Grupo Ilha Verde apresenta novo Ford Explorer 100% elétrico

A expectativa sentia-se minutos antes da apresentação oficial europeia do novo carro da Ford. Ao final da manhã de ontem, no stand de vendas desta marca norte-americana em Ponta Delgada, que tem como representante nos Açores o Grupo Ilha Verde, funcionários, convidados e responsáveis aguardavam pelas 11h para vislumbrarem pela primeira vez este novo modelo automóvel. Antes disso, Antero Rego, do Grupo Ilha Verde, avançava que o novo crossover 100% eléctrico se situaria num segmento médio entre os modelos Kuga e Puma. 
À hora certa, os responsáveis europeus da Ford desvendaram o mistério e mostraram pela primeira vez a nível europeu, o Ford Explorer 100% eléctrico. O novo modelo que já pode ser reservado online desde ontem, é um carro de 5 lugares que aposta numa conectividade da próxima geração. Um ecrã táctil ajustável SYNC Move de 15 polegadas, bem como uma coluna em barra de som, foram algumas das particularidades destacadas. A nível de arrumação, o Explorer apresenta opções flexíveis com a mega consola de 17 litros colocada entre os bancos do condutor e do passageiro. Numa viatura deste tipo, o tempo de carregamento das baterias é fulcral, com a Ford a anunciar que o novo Explorer terá uma velocidade de carregamento, dos 10% aos 80%, de apenas 25 minutos. 
O preço final do Explorer só será conhecido a partir do próximo mês de Setembro, mas a Ford avança no seu site oficial, um preço inicial inferior a 45.000 euros. Os primeiros veículos deverão sair da fábrica em Colónia (Alemanha) no decurso de Janeiro de 2024. 

Grupo Ilha Verde destaca vantagens dos eléctricos para particulares e empresas
Antero Rego, um dos responsáveis do Grupo, explicou que este modelo agora apresentado “é o 2º carro eléctrico da Ford”. Depois do Ford Mustang, segue-se então agora o Explorer e “está também anunciado o Puma eléctrico para breve”. Para além dos veículos destinados a particulares, na área dos comerciais, a Ford tem também a Transit eléctrica. 
“A Ford está em duas frentes; nos passageiros e nos comerciais”, reforça. 
O empresário enumerou depois o conjunto de vantagens existentes na aquisição de uma viatura deste tipo. 
“Os particulares têm direito ao incentivo do Governo. Na região são cerca de 2500 euros e podem também ir ao apoio nacional que são cerca de 4000 euros. Também não paga o IUC”, salienta. Já para as empresas, Antero Rego explica que estas “têm maiores benefícios”. 
“É o único carro de 5 lugares que deduz o IVA a 100%. Não paga tributação autónoma para as empresas, não paga também o IUC e também pode ir buscar o benefício fiscal que, na região, é de cerca de 2000 euros”, refere. 
Antero Rego admite que até ao momento se verifica uma maior adesão das empresas na compra de viaturas eléctricas, mas realça que os “particulares também estão a entrar”. O responsável da Ilha Verde admite que houve uma “subida de preço normal com a nova tecnologia”. Para além disso, o empresário reconhece que “a maior vantagem de ter um carro elétrico, é carregar em casa, numa tarifa bi-horária, tri-horária e agora com os painéis fotovoltaicos que ainda vão ajudar mais na redução de custo da electricidade”. 
Sobre o novo Ford Explorer, o empresário revela que o Grupo Ilha Verde conta “receber o primeiro carro para demonstração em Janeiro” e lembra que já se podem fazer reservas para este novo modelo desde ontem.
Luís Lobão
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker