Associações preocupadas com a “galopante mendicidade” verificada em Ponta Delgada

A CCIPD – Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada, a AREAT - Associação Regional das Empresas de Actividades Turísticas dos Açores, a ALA – Associação de Alojamento Local, as Casas Açorianas e as Delegações da APAVT – Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, da AHRESP – Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, da AHP – Associação de Hotelaria de Portugal e a ARAC – Associação dos Industriais de Aluguer de Automóveis reuniram-se com o objectivo de analisar “a situação de insegurança e de mendicidade que se verifica em Ponta Delgada”.
Neste sentido, tendo em conta “a galopante mendicidade com comportamentos agressivos e insistentes junto de transeuntes locais e visitantes”, as associações empresariais consideram imprescindível e urgente, “proceder à alteração das políticas sociais, que não estão a responder de forma satisfatória ao aumento da pobreza, da mendicidade, do alcoolismo e da toxicodependência”.
Por isso, apelam por uma intervenção concertada e integrada da Polícia de Segurança Pública (PSP), Câmara Municipal e Governo Regional para o desenvolvimento de um plano de acção conjunto, de curto, médio e longo prazo; bem como por uma intervenção da Polícia Municipal, no âmbito das suas competências, no policiamento diurno e nocturno, em cooperação com a PSP. As associações empresariais apelam, assim, para o reforço do policiamento actuante “na rua”, através da Polícia de Segurança Pública, para a identificação dos “locais críticos” e a uma maior presença policial nos mesmos”, apelando também à aplicação de instrumentos legais que já permitem a actuação das entidades em situações como as já descritas. Em acréscimo, de acordo com a informação disponibilizada, deve ser desenvolvido trabalho no sentido de restituir os espaços públicos, tais como jardins, ruas e praças àqueles que “deixaram de os utilizar devido à insegurança e ao importuno constante de mendicidade agressiva”. Tendo em conta este contexto e as soluções desejadas, as associações empresariais enumeradas solicitaram a realização de várias reuniões, entre as quais com o Presidente do Governo Regional dos Açores, com o Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, bem como com o Comando Regional da PSP.         

J.M

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker