Empresários do Turismo dizem que vencimentos “nunca foram tão elevados como este ano”

Recentemente, depois das declarações proferidas por José Manuel Bolieiro aquando do Dia Mundial do Turismo, as associações empresariais ligadas ao sector do turismo, manifestaram, através de um comunicado, a sua “total estranheza” em relação ao discurso do Presidente. Na ocasião, o Presidente do Governo Regional apelou à responsabilidade dos empresários para saberem cativar os profissionais, dando-lhes formação e melhores remunerações, para além de atenderem “ao tempo de lazer” dos mesmos, levando estas entidades e associações a recordar que, apesar de o turismo ter atravessado “um período de enormes dificuldades nos anos de 2020 e 2021”, verificou-se um “aumento dos pagamentos ao pessoal da hotelaria em 10,6%”, comparativamente ao período homólogo de 2019, sendo este um “acréscimo muito superior ao valor da inflação”, o que leva a afirmar que “nunca os pagamentos aos trabalhadores foram tão elevados como este ano”.
Mesmo com os impactos da pandemia, “evidentes ainda hoje”, estas associações relembram que “as empresas mantiveram, no geral, os seus postos de trabalho”, e que embora os apoios públicos tenham tido um papel importante, “foram insuficientes” tendo em conta os prejuízos.
Os empresários e representantes destas associações afirmam também não entenderem a referência feita ao “tempo de lazer”, uma vez que muitas funções na área do turismo “implicam horários de trabalhos diferenciados”, como acontece também noutras áreas, e no que à formação diz respeito, afirma-se que têm sido “inúmeros” os alertas feitos, dando conta da falta de mão-de-obra e insuficiência de qualificação de base, quer dos que já se encontram a trabalhar na área como para aqueles que pretendem entrar para o sector.
Igualmente têm alertado, consideram, “para a falta de instrumentos adequados para a formação dos trabalhadores, sendo as empresas quem faz, maioritariamente, a formação dos seus trabalhadores em contexto de trabalho, sem apoios públicos, mesmo para competências básicas”.                     

J.M

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker