De 16 a 18 de Setembro na Bretanha

Festa do Milho é uma tradição cultural cada vez mais arraigada na comunidade

 A tradicional Festa do Milho festeja-se na Bretanha, concelho de Ponta Delgada, sendo um evento de afirmação do território suportado nas suas tradições culturais, dando palco a todas as tradições que envolvem as freguesias da Bretanha, cujo território ainda é marcadamente rural.
Actualmente, e apesar do incremento de serviços e de uma maior oferta de emprego na cidade de Ponta Delgada, o seu processo de desenvolvimento ainda se suporta na agricultura, nomeadamente nas explorações agropecuárias existentes. É neste sentido, que se pretende retratar e vivenciar as práticas culturais agrícolas, nomeadamente as associadas à cultura do milho, recriando alguns dos processos de produção, para que residentes e visitantes possam relembrar, ou mesmo conhecer, como antigamente o milho era produzido.
 Nos próximos dias 16, 17 e 18 de Setembro irá decorrer a Festa do Milho de 2022, na envolvente do Moinho do Pico Vermelho na Ajuda da Bretanha, compreendendo um conjunto diverso de actividades culturais e de elementos de animação etnográfica.
Ao longo dos três dias da festa estarão sempre presentes as barraquinhas que compõem a Feira Gastronómica, organizadas por instituições sem fins lucrativos locais, com receitas gastronómicas típicas e locais onde será possível degustar o pão de milho, a sopa de milho, as carnes, as bifanas, as papas do carolo de milho, as malassadas, o milho torrado, o milho cozido e o inhame da Bretanha.
E quem melhor do que as instituições locais para manterem o legado gastronómico da Bretanha. Assim, este ano a Festa do Milho conta com a presença da Comissão de Festas da Nª Senhora da Ajuda da Bretanha, do Centro Social e Paroquial da Nª Senhora da Ajuda da Bretanha, dos jovens da Paróquia da Bretanha, do Agrupamento de Escuteiros da Bretanha e dos mordomos do Espírito Santo do Pilar da Bretanha.
 A dinamização do evento Festa do Milho de 2022 parte de uma organização conjunta entre as freguesias da Ajuda da Bretanha, do Pilar da Bretanha, dos Remédios, da Associação Norte Crescente e Câmara Municipal de Ponta Delgada, contando ainda com o apoio de outras instituições locais e de produtores bovinos locais que mantêm o gosto pela manutenção e preservação das tradições.
A organização pretende manter e promover as tradições locais vivas, uma vez que muitas destas práticas agrícolas já não são utilizadas no dia-a-dia, contudo, ainda há muita gente que a sabe fazer e é devido perpetuá-las e mostrá-las aos mais novos para que a tradição possa, assim, permanecer viva através de várias gerações.
 O local do Moinho do Pico Vermelho encontra-se preparado com todo um cenário construído à volta do moinho, que estará em funcionamento a moer o milho. Estarão expostas ferramentas e os utensílios agrícolas de outrora e elementos da cultura da etnográfica da Bretanha, assim como fotografias e outros artefactos que documentam a tradição e que, em conjunto, criam um cenário que permita recordar e vivenciar uma cultura ancestral, que nos últimos anos tem caído em desuso e como tal urge manter como memória viva da nossa sociedade. A Festa do Milho consolida-se como um convite aberto a toda a comunidade, população e visitantes, para participar activamente e imersiva de forma a poder criar novas memórias e experiências.
Pretende-se mostrar que o património e as tradições são para todos, por isso, juntaram-se crianças, jovens, adultos e idosos que realizaram em conjunto várias actividades ao longo dos últimos meses e que culmina nos três dias da Festa do Milho, tais como jogos tradicionais, actividades recreativas, promoção das artes dos artesãos locais, saborear os pratos gastronómicos tradicionais, num ambiente marcadamente cultural em que todos são bem-vindos.
Actividades intergeracionais

Na Sexta-feira, dia 16 de Setembro, será promovida uma tarde de actividades intergeracionais, promovendo um contacto social entre seniores e jovens, promovendo-se a partilha de experiências, contar histórias, ensino de jogos tradicionais e participar na primeira desfolhada do milho. Será, ainda, neste dia, promovida a preparação do pão de milho, que vai desde a preparação da farinha de milho, ao amassar, levedar e cozinhar o pão de milho num forno de lenha, culminando com a oferta de pão quente com manteiga, chá e leite a todos os presentes.
No Sábado, dia 17, é proposta uma tarde de animação cultural e artística para os jovens, com o espectáculo “A Carochinha” da Boneca de Trapos e com actividades recreativas e jogos desportivos. Decorrerá, também, o concurso gastronómico de receitas com milho, em que qualquer pessoa pode participar, sendo o único requisito a receita usar o milho com ingrediente e entregar o prato até às 17 horas à organização.
No Domingo será promovido o desfile etnográfico com um grande envolvimento da população local, nomeadamente de jovens. O desfile este ano terá início às 15 horas e na terra onde foi realizada a sementeira do milho, em Abril, na rua do Porto da Ajuda. O seu trajecto segue por dentro da freguesia para a Igreja da N. Sra. da Ajuda da Bretanha e posteriormente para as amoreiras, onde o cortejo reagrupa com os participantes da freguesia do Pilar da Bretanha. De seguida segue a estrada regional até descer para o Moinho do Pico Vermelho, onde na chegada haverá uma actuação etnográfica do Grupo de Folclore da Fajã de Baixo a acompanhar a tradicional desfolhada do milho.
Durante todos os dias da Festa do Milho existirá animação musical nocturna, a partir das 20 horas, que permitirá animar o espaço, com um programa diverso e complementar que permita divulgar a diversidade musical da cultura dos Açores.
 Na Sexta-feira haverá animação pelos Tunídeos, Tuna Académica da Universidade dos Açores e o DJ Carlos Costa. Na noite de Sábado está programado o concerto dos Duques e do DJ Ohmega e no Domingo Cantigas ao Desafio e Desgarrada, com os cantadores Pedro Costa, Rui Santos, Paulo Miranda e Victor Ponte e tocadores Renato Cordeiro e André Hilário.
“Neste sentido e cientes de que há muitos e bons motivos, deixamos o convite em aberto para as pessoas, em família ou em grupo de amigos, virem visitar a Ajuda da Bretanha participar nas actividades que estão preparadas e degustar as receitas gastronómicas que temos para oferecer”, convida a organização das Festa do Milho, que salienta que o desafio é o de “participar activamente. Vista-se a rigor, participe no cortejo, ajude a fazer o pão de milho, partilhe a sua experiência e traga um artefacto tradicional.  Só juntos podemos fazer a festa de todos e com todos”.

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker