PJ detém um homem numa ilha do Grupo Central por abusar sexualmente da enteada

 A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal dos Açores, identificou e deteve um homem, por fortes indícios da prática de dez crimes de abuso sexual de menores dependentes ou em situação particularmente vulnerável, cometidos contra a enteada, com 14 anos de idade.
O arguido “aproveitou-se do contexto de coabitação para sujeitar a vítima aos actos sexuais de relevo”, lê-se no comunicado da Polícia judiciária.
Os factos ocorreram numa ilha do triângulo, no Grupo Central do arquipélago.
O detido, de 37 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas, entre outras, as medidas de coacção de proibição de se aproximar e de contactar com a vítima.

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker