Inaugurada beneficiação de via de comunicação no Burguete na Achadinha

Beneficiação de novas vias no Nordeste permite potenciar o desenvolvimento económico local

O concelho do Nordeste viu inaugurada mais uma obra de beneficiação de uma via de comunicação, composta por um troço urbano e outro florestal, desta vez na freguesia da Achadinha, especificamente no Burguete. 
Trata-se de uma beneficiação há muito aguardada pela Junta de Freguesia da Achadinha e pela Câmara do Nordeste, como referiram ambos os autarcas por ocasião da inauguração, e que em apenas dois anos, com o axtual Governo Regional, ficou resolvida.  Importante para o arranque da obra foi também o contributo do deputado eleito pelo concelho, Flávio Soares, como referido pelo presidente da Junta de Freguesia da Achadinha, e citado. À semelhança do Caminho de São João, em Santo António de Nordestinho, cuja obra de beneficiação foi inaugurada na semana passada, o Caminho do Burguete, na Achadinha, por ser de calçada e com grande desgaste face aos anos em que foi ali colocada, não apresentava condições de segurança, sobretudo junto à zona urbana, sendo uma via desconfortável e ruidosa.
A beneficiação agora efectuada, no valor de 314.500 mil euros - obra da responsabilidade da Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, através da Direcção Regional dos Recursos Florestais, e executada pela Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas - tem um elevado impacto social, agro-florestal e turístico, por servir cerca de 100 moradores, 40 explorações agrícolas e uma vasta área de mata pública, e ainda por ter acesso ao parque eólico e ao Pico da Vara através do planalto dos Graminhais, referiu o diretor regional dos Recursos Florestais, Filipe Tavares, no ato inaugural.
Foram beneficiados um total de 900 metros de caminho, sendo o troço respeitante à zona urbana de 460 metros e 430 metros de zona agroflorestal. A intervenção consistiu na remoção da calçada, pavimentação da via e execução de lancis, de passeios e de sistema de drenagem de águas.
Na zona a montante, zona agrícola, a pavimentação foi em betão armado, tendo também sido executado o sistema de drenagem de águas pluviais.
Aproveitando a beneficiação em curso, a Câmara Municipal do Nordeste procedeu à renovação da rede de águas da malha urbana, correspondendo o custo da obra a 25 mil euros. 
Na ocasião, a Secretária Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas realçou esta terça-feira, no Nordeste, que “as vias de comunicação não se medem pelos quilómetros que têm, mas pelo serviço que prestam às populações”.
Berta Cabral diz que se trata “de uma obra de elevada importância para a freguesia da Achadinha e para o concelho do Nordeste porque privilegia o bem-estar dos residentes, um melhor desempenho das explorações agrícolas e florestais e acessos diferenciados para os turistas que, no seio das suas experiências junto da natureza, exploram vias com essas características”.
“Com vias adequadas, estamos a potenciar o desenvolvimento económico local e a fomentar o progresso social regional, sendo esse o testemunho que queremos dar de um trabalho que será permanente, efetivo e eficaz”, frisou Berta Cabral.
A titular da pasta das Infraestruturas aproveitou a ocasião para “reconhecer e congratular os autarcas presentes pelo empenho e dedicação que têm impresso, localmente e em articulação com o Governo dos Açores, no desenvolvimento do concelho do Nordeste e das suas freguesias, valorizando as vias de comunicação e promovendo o desenvolvimento no seu conjunto”. No seguimento dessa cooperação, Berta Cabral referiu ainda que foi criado um grupo de trabalho liderado pela Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas, com o objetivo de rever o estatuto das vias de comunicação terrestres, através da classificação da rede viária regional, municipal, caminhos agrícolas e florestais, garantindo um melhor ordenamento e identificando a atribuição de responsabilidades na respetiva conservação. 
“Acima de tudo, pretende-se que não haja caminhos de ninguém e que as autarquias locais saibam quem são os seus parceiros numa tarefa que, muitas vezes, assumem sem ter essa obrigação, em benefício das suas populações”, enfatizou a governante, citada numa nota publicada no Portal do Governo.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker