10 de novembro de 2019

Crónica da Madeira

Cor, Beleza e requintado gosto marcam a vida da artista Isabel Borges

Apesar de nascida na Madeira e contagiada pela sua extraordinária beleza natural, Isabel Borges é uma talentosa artista plástica, cuja imaginação e fantasia ultrapassam os limites geográficos da sua ilha. Ela navega no seu próprio tempo, consciente da importância do mesmo, mas rompe-o todos os dias, corajosamente, para se colocar à frente, inventando um “universo” onde protagoniza os seus múltiplos projectos festivos, como por exemplo, Natal e Festa da Flor, que constrói na poética da sua imaginação. Fá-los como ninguém. Ela, há trinta e cinco anos, dá mais cor e beleza a dois dos grandes cartazes turísticos madeirenses: Natal e Festa da Flor.
    Colaborou comigo cerca de 8 anos, era então Secretário do Turismo, mas cedo me apercebi que os seus dotes artísticos não se poderiam submeter às rígidas burocracias do Estado. Razão porque um dia festejei a sua liberdade, quando ela decididamente se “emancipou”, seguindo um caminho que lhe deu muito mais notoriedade e possibilidades criativas. Aí, deu azo à sua imaginação e demonstrou que a sua alma, emoldurada de amor, era capaz de ultrapassar a linha do horizonte e que os seus sonhos se agigantavam dentro da pequena ilha. 
A pedido da SRTC produz, como freelancer, as célebres barracas de Natal, na placa central do Funchal. Inventa-as com a força da sua imaginação, dando-lhes, todos os anos, versões diferentes, com jovens estudantes trajando vestidos verdadeiramente artísticos, alusivos à época, criando um verdadeiro espetáculo de beleza, bom gosto e cor. Quadros vivos com a sua inconfundível marca. Por outro lado, os seus grupos da Festa da Flor permanecem na memória do tempo, justamente pela originalidade e criatividade. É um verdadeiro “universo” de jovens sorridentes, vestidas com desenhos originais da sua autoria.
    O seu talento, porém, não se circunscreve só e apenas a estes dois acontecimentos. A sua marca de bom gosto e talento derrama-se em todas as festas que organiza, são muitas, bem como nas centenas de casas que, com tanta arte e mestria, decora, dando-lhes conforto e poesia. Uma conjugação de cores e mobiliário que resulta, sempre, em espaços fascinantes.
    Ao celebrar, agora, os seus trinta e cinco anos de carreira como artista plástica e decoradora, ideóloga e executora de tantos acontecimentos, rendo-lhe as minhas homenagens e felicito-a pelo notável trabalho realizado; dizer-lhe quanto estou honrado, como madeirense e amigo, por todas as ações que tem vindo a desenvolver não só na Madeira, como lá fora. Faço votos que continue prestigiando a Madeira com os seus trabalhos, com o seu valioso contributo ao Turismo da Região que em muito tem contribuído para o seu enriquecimento no que diz respeito à animação. Desejo que continue a caminhar com a mesma perseverança e determinação como até agora tem feito.

Para consultar a obra desta artista plástica:www.dreamflowersbyisabel.com
 

Print

Categorias: Opinião

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima